Para refletir: Jamais um sábio será arrogante

Jamais um sábio será arrogante, enquanto o erudito lutará a cada instante para não sê-lo.

O erudito pode ser visto como o “carcereiro” do conhecimento, iludido de que tem as chaves que possam abrir as portas dos compartimentos que guardam o que “pensa” saber.

Em momentos de caos, de conflitos, de desencantos, de aparente escuridão, a semente da ética vital é a chama que dá luz.

Cada ser com seu brilho próprio, naturalmente despertado, se sintonizará com outros seres e suas energias, independentemente de suas crenças, filosofias e religiões.

A sintonia com a Fonte da vida é um direito de cada ser e tomar decisões focalizando a visão, atitudes e energia para viver uma vida melhor - pensando nos outros, na natureza, nos animais, aves, e em si, é o que é requerido nesse momento da história.

Por certo o conhecimento tem propriedades vitais, tais como os elementos da natureza com suas propriedades físico-químicas de resistir ou romper, de absorver ou rejeitar, de unir ou separar, e muitas outras.

O saber é a manifestação do conhecimento. Num nível mais profundo, é o conhecimento incorporado a outras manifestações vivas, que são valores e princípios que estão fundamentados no ser.

A caminhada para a sabedoria compreende coragem e desafios.

Autor: Herbert Santos Silva
extratos retirados do livro Intuição.com, Reflexões Para Viver uma Vida Melhor

Enviar por e-mail Enviar por e-mail